CONDICIONADORES DE SOLOS: ENTENDA A IMPORTÂNCIA DA MATÉRIA ORGÂNICA PARA A RECUPERAÇÃO DA TERRA

18 de julho de 2018 - 11:16

A crescente degradação dos solos preocupa não apenas pesquisadores e agrônomos, mas também os produtores, que vivem diariamente o desafio de melhorar a produtividade de suas lavouras. Dados da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) apontam que cerca de 33% das terras têm alto ou médio grau de degradação.

Segundo a Sociedade Nacional de Agricultura quatro motivos principais têm causado a degradação em terras agricultáveis em
todo o mundo:
Erosão – No que se refere às ações da natureza, as chuvas são o principal agente causador da erosão. O ser humano
também tem papel importante no processo com os desmatamentos.
Salinização – A concentração progressiva de sais pode ser causada pelo péssimo manejo da irrigação em regiões áridas e
semiáridas. A baixa eficiência da irrigação e a drenagem insuficiente nessas áreas contribuem para a aceleração do processo
de salinização, tornando-as improdutivas em curto espaço de tempo.
Compactação – É um processo decorrente da manipulação intensiva, quando o solo perde sua porosidade pelo adensamento
de suas partículas. Na agricultura, a compactação do solo se dá pela influência de máquinas agrícolas, e também pelo pisoteio
de animais, como o gado. A compactação é danosa para a produção agrícola, pois influencia negativamente o crescimento de
raízes, fazendo com que a planta tenha problemas em seu desenvolvimento. Ela também diminui a movimentação da água
pelo solo, criando uma camada muito densa onde a água não se infiltra, ocasionando excesso de líquido nas camadas
superficiais, podendo provocar erosão.
Poluição química – Na produção agropecuária, a contaminação química é mais evidente em razão da utilização de insumos
agrícolas como fertilizantes químicos, inseticidas e herbicidas. O uso de substâncias químicas no campo se difundiu a partir
dos anos 60, com objetivo de alcançar uma produção de melhor qualidade e assim obter uma boa aceitação no mercado. A
contaminação ocorre no solo e nas águas.
Condicionadores de solos
Para reverter esses processos negativos, uma solução altamente eficaz é o uso dos chamados condicionadores de solos,
produtos que concentram grandes quantidades de matéria orgânica, além de ácidos húmicos e fúlvicos. Esses elementos
agem na restauração da fertilidade de solos desgastados proporcionando equilíbrio físico, químico e biológico.
Entre os condicionadores de solos, um produto que se destaca é a TURFA , componente básico usado nos produtos REDI .
Trata-se de uma matéria-prima orgânica rica em nutrientes – principalmente carbono – extraída de solos com alta umidade. É
formada pela decomposição de resíduos vegetais, promovida por bactérias ou enzimas.
Como matéria orgânica, a TURFA tem um desempenho incomparável na melhora de qualidade do solo e de suas
propriedades físicas: eleva a capacidade de retenção de água, promove a redução da densidade e o aumento da porosidade
do solo, além de formar agregados que reduzem a erosão e aumentam a capacidade de absorção da terra.
Estudos apontam ainda que a utilização de ácidos húmicos e fúlvicos melhoram a germinação das sementes, o
desenvolvimento radicular e o crescimento das plantas, que têm melhor desenvolvimento dos brotos e de produção. Todas
essas vantagens, é claro, significam aumentos na produtividade.
O REDI RENOVARE é um fertilizante orgânico em pasta, que reúne as melhores características de um condicionador de
solos. Rico em ácidos húmicos, fúlvicos e aminoácidos naturais, esse produto age como um regenerador do solo, melhorando
suas características físicas, químicas e biológicas. Utilizado em estufas e viveiros, o produto também é recomendado na
implantação e condução de culturas comerciais e na fertirrigação.
Ácidos húmicos e fúlvicos
As substâncias húmicas originam-se da degradação biológica de resíduos animais e vegetais e da atividade dos
micro-organismos do solo. Os ácidos húmicos e fúlvicos são os componentes mais importantes do húmus: a fração ácido
húmico é extraída com solução alcalina e solúvel em meio ácido; a fração solúvel em álcali e insolúvel em meio ácido
corresponde ao ácido fúlvico. As substâncias húmicas são importantes condicionadores de solo. São elas que dão a cor
escura ao solo e responsáveis pelas melhorias físicas, químicas e biológicas. A soma dos teores de ácidos húmicos e fúlvicos
resulta no “extrato húmico total”.
Num solo com uma quantidade de nutrientes adequada, os ácidos húmicos proporcionam um aumento na biomassa dos
vegetais. O crescimento se verifica no sistema radicular que aumentou em quantidades de raízes e maior comprimento das
mesmas. Estes resultados são proporcionais ao aumento da concentração de ácidos húmicos. Por outro lado há, também, um
aumento na absorção de nutrientes. Os ácidos húmicos formam compostos no solo que resultam na absorção de cátions até
certo limite de aplicação de húmus. A partir de uma determinada concentração de ácidos húmicos, a absorção pode ser
reduzida pela imobilização dos cátions do solo.
Hoje a matéria orgânica do solo é considerada como um fator importante no desenvolvimento das plantas. A fertilidade do solo
depende da matéria orgânica que este solo possui visto que ela é uma fonte de nutrientes, melhora a estrutura do solo,
aumenta o número de micro-organismos, aumenta a capacidade de troca de cátions (CTC), além de liberarem substâncias
húmicas.
Pesquisas mostram que o uso do ácido húmico como fertilizante, proporciona efeitos significativos na recuperação de solos
esgotados e degradados. Em trabalhos de pesquisa realizados pela Embrapa utilizando ácidos húmicos, foi constatado um
aumento na produtividade agrícola de 18%. Segundo o pesquisador Vinicius Benites da Embrapa Solos, especialista em solos
e nutrição das plantas, em experimentos realizados com soja houve ganhos de 6 sacos/ha. (Fontes: Agência Embrapa de
Informações Tecnológicas, Revista Cultivar e Revista Globo Rural)

Fonte: http://www.redifertilizantes.com.br/condicionadores-de-solos-entenda-a-importancia-da-materia-organica-para-a-recuperacao-d
a-terra/