Preço da soja em alta nos EUA

16 de março de 2018 - 14:58

O preço da soja na Bolsa de Cereais de Chicago registrou na quinta-feira (15.03) alta de 8,50 centavos de Dólar no contrato de Maio/18, fechando em US$ 10,4075 por bushel. Os demais vencimentos em destaque da commodity na CBOT também fecharam a sessão com valorizações entre 6,00 e 8,50 pontos.

O mercado norte-americano da soja voltou a registrar ganhos nos principais contratos futuros. De acordo com a T&F Consultoria Agroeconômica, deu suporte o relatório da Bolsa de Comércio de Rosário que reduziu sua previsão para a safra de soja da Argentina em 6,5 milhões de toneladas, chegando agora em 40 milhões de toneladas – o menor valor de um comentador convencional.

De acordo com a AgResource, houve uma reversão expressiva do movimento, com as exportações norte-americanas da soja voltando a tomar a atenção da demanda mundial, mesmo fora do período sazon­al do foco de compra chinês: “A América do Sul, com a disponibilidade da soja em crescimento no decorrer da colheita no Brasil e Argentina, ainda sim perde algum espaço para as novas compras da oleaginosa dos Estados Unidos. Este movimento não é comum em dada período do ano, uma vez que o grão sul-americano disponível para exportação é mais barato que as ofertas estadunidenses”.

No entanto, a ARC lembra que desde novembro do ano passado o Brasil se mostra um ativo competidor de vendas de soja disponível, quando o ‘foco da vez’ deveria ter sido as vendas provenientes da recém colhida safra norte-americana. “Além do mais, na Argentina, a Bolsa do Comércio de Rosário reduziu, novamente, suas estimativas para a safra de soja no país, agora estimadas em 40 MTs. As reduções já somam mais de 14 MTs, desde as primeiras estimativas”, concluem os analistas.
.
.
.
Fonte: https://www.agrolink.com.br. Matéria por: Leonardo Gottems. Foto: divulgação.