Soja reverte perdas no interior do Brasil

22 de janeiro de 2018 - 17:36

Queda repentina na exportação de farelo da Argentina sustentou

As cotações da soja tiveram na quinta-feira (18.01) um dia de ganhos nos preços do mercado físico brasileiro, alinhado com o movimento da Bolsa de Chicago (CBOT). De acordo com a T&F Consultoria Agroeconômica, em média os preços subiram 0,15% nos portos e 0,75% no interior.

O analista da T&F, Luiz Fernando Pacheco, aponta uma queda repentina na exportação de farelo da Argentina nesta semana permitiu aumento da demanda por farelo de soja brasileiro (e norte-americano), razão pela qual as cotações subiram em Chicago e no Brasil nesta quinta-feira. “Isto permitiu às indústrias aumentarem as compras, revertendo as quedas dos últimos dias e permanecendo acima da média móvel dos últimos cinco dias”, observa Pacheco.

FUNDAMENTOS

De acordo com previsões atualizadas divulgadas pela Consultoria AgResource, o padrão para os próximos cinco dias continua sendo previsto em chuvas esparsas pelo Centro e Nordeste do Brasil: “A concentração dos índices pluviométricos mais pesados ainda se estaciona sobre o Norte da Argentina e a região Sul do Brasil”.

“No entanto, na tarde do dia 24, uma ampla cobertura de chuvas volta a regar todas as principais regiões sojicultoras do Brasil, especialmente nas áreas de estiagem dos próximos dias. Entre o período de 24 a 29 de janeiro, índices pluviométricos de 25 a 75 milímetros (mm) cobrem do Sul ao Norte do Brasil, oferecendo um cenário meteorológico estável para a maioria da soja em estágios finais de reprodução”, complementam os analistas da Consultoria AgResource.
.
.
Fonte: https://www.agrolink.com.br